Missionários orionitas relatam clima de insegurança na Ucrânia

‘Permanecemos aqui, não podemos abandonar nossas crianças com deficiência, nem as mães e seus filhos nem aos pobres’

Mapa da Ucrânia /suoredonorione

O Padre Giovanni Carollo, Diretor da Província Religiosa da Mãe da Divina Providência  e dos Filhos da Divina Providência (Dom Orione), conversou com a Agência Fides sobre o clima de tensão na Ucrânia, uma vez que tem estado em contato com os sacerdotes que vivem em Kiev e Lviv.

O Padre Moreno Cattelan, que está em Kiev, disse que as autoridades tem recomendado às pessoas que se mantenha a calma e caso se soa o alarme de emergências as pessoas devem ir para abrigos. “Durante a noite foi bombardeado o aeroporto militar da cidade, que fica perto da casa orionita. Muitos estão tentando sair da capital e há grandes filas de carros nas ruas. Não está fácil encontrar combustível”.

Já o Padre Fabio Cerasa explica que “em Lviv, as sirenes soaram várias vezes e há muitos casos de tráfico nas ruas, porque todo mundo está fugindo. Estamos aqui em casa. Os posto de combustível estão cheios de gente, assim como os caixas eletrônicos. O aeroporto já foi fechado”.

O Padre Egifio Montanari, também de Lviv, insiste que “o ataque é a toda nação, desde da manhã seguem soando as sirenes antiaéreas. Ainda não temos escutado explosões, mas creio que podem bombardear o aeroporto da cidade, porque estão fazendo em outras cidades do país. Nós ficamos aqui, não podemos abandonar a casa e, sobretudo, nossas crianças com deficiência, porque eles só têm a nós. Vamos ver como evolui a situação”. 

Nesta manhã, também as pequenas Irmãs Missionárias da Caridade (Dom Orione) conseguiram fazer contato com as monjas que estão em Kharkiv, uma das cidades mais afetadas pelo ataque russo, nas proximidades de Korotycz. A Irmã M. Kamila, de Kharkiv, explicou que elas acordaram a noite com o som de disparos. Mesmo com a opção de irem para a Polônia, elas optaram por permanecer cerca das irmãs, das crianças e dos pobres que cuidam.

Fonte: Agência Fides

Deixe um comentário