Padre Adriano relata momentos de crise em Moçambique e pede orações pelo projeto missionário

O Padre Adriano Ferreira Rodrigues, missionário da Diocese de Jundiaí que se encontra em missão em Moçambique (África) desde 2018, na Paróquia Missão Cristo Rei, falou na manhã desta segunda-feira, 20 de junho, com Dom Vicente Costa, sobre a crise no norte de Moçambique.

Padre Adriano relata momentos de crise em Moçambique e pede orações pelo projeto missionário, Jornal O São Paulo

Sofremos ataque semana passada e na noite do último sábado, novamente. Nestes dias estou hospedado em Pemba, na casa dos irmãos Passionistas e ontem (domingo, 19 de junho) eu e as irmãs da equipe missionária retornamos à Paróquia para celebrar a Solenidade de Corpus Christi”.

 De acordo com o presbítero, curiosamente, muitas pessoas compareceram para a missa, mas os relatos dos fiéis são de desespero “não temos para onde correr, não temos dinheiro, nem para onde ir. Viemos à Igreja para rezar”, disseram. “uma alegria, entre tantas notícias tristes”, completou o sacerdote, que considera que a Igreja Católica tem sido uma presença profética em favor daquele povo sofredor, bem como o Papa Francisco que tem denunciado as injustiças, as constantes violações dos direitos humanos, e o aumento da violência em toda a província.

Por conta da grave situação, Padre Adriano já considera a possibilidade de retorno da missão, decisão esta que conta com total apoio de Dom Vicente. Mas o presbítero a decisão deverá ser tomada por toda a equipe missionária, e após  partilha com o Bispo de Pemba, Dom Antônio Juliasse Ferreira Sandramo.

A província de Cabo Delgado situa-se no norte de Moçambique, entre a província de Nampula e a fronteira com a Tanzânia, com uma dimensão equivalente à área total de Portugal.

O território é alvo da violência de grupos terroristas há cerca de três anos, situação que se agravou no último mês, quando grupos armados atacaram pela primeira vez a vila de Palma. Com os recentes ataques houve um agravamento da crise humanitária, obrigando a fuga de milhares de residentes de Palma. A região, embora rica em recursos naturais e minerais, é uma das mais pobres de Moçambique.

Rezemos pelo Padre Adriano e  por todos os missionários presentes em terras africanas, todos nós sabemos que a força para a missão vem do Senhor e das orações da Igreja.

Dom Vicente Costa pede para que  rezemos pelo nosso Padre Adriano, por todos os missionários e pelo povo de Deus presente naquelas terras. Que o Senhor traga paz no país.

Imprensa da Diocese de Jundiaí

Deixe um comentário