Confira nossa versão impressa

Cátedra de Cultura Judaica da PUC-SP comemora dez anos

Cátedra de Cultura Judaica da PUC-SP comemora dez anos

Um evento transmitido pela internet nesta sexta-feira, 23, marcou as comemorações dos dez anos da Cátedra de Cultura Judaica da Pontifícia Universidade de São Paulo (PUC-SP).

Criada em 27 de outubro de 2010, essa Cátedra tem o objetivo de promover estudos diversos de relevância para a cultura judaica em áreas como a língua hebraica, o judaísmo bíblico e contemporâneo, políticas internacionais e história dos povos antigos.

A iniciativa também tem o propósito de fortalecer o diálogo intercultural e religioso, apoiar o desenvolvimento de pesquisas sobre judaísmo-cristianismo, capacitar professores e alunos de escolas públicas, promover debates com dirigentes da sociedade, entre outros.

A ideia de criar uma cátedra voltada para a cultura judaica foi concebida na Pontifícia Academia Scientiarum, uma das pontifícias ligadas à Santa Sé, e proposta à Secretaria-Executiva da Fundação São Paulo, mantenedora da PUC-SP, que elegeu membros para que se pudessem iniciar os trabalhos.

Cátedra expressa o aprofundamento do diálogo religioso e o aperfeiçoamento dos estudos judaico-cristãos, inspirados pela Declaração Nostra aetate, do Concílio Vaticano II, sobre a relação da Igreja com as religiões não-cristãs, e pelos objetivos da Comissão para as Relações Religiosas com o Judaísmo da Congregação para a Educação Católica, da Santa Sé, e da Comissão Nacional de Diálogo Religioso Católico-Judaico, da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

PROXIMIDADE

O Cardeal Odilo Pedro Scherer, Arcebispo de São Paulo e Grão-chanceler da PUC-SP, participou do evento e ressaltou que a Cátedra de Cultura Judaica realiza uma das finalidades de uma pontifícia universidade: o diálogo cultural para fomentar um clima de abertura, compreensão e apreço recíproco na sociedade.

Ainda segundo o Arcebispo, a cátedra abre horizontes para diferentes culturas, sobretudo aquelas que têm importância especial para a cultura cristã. “Temos uma enorme proximidade com a cultura judaica, pois nós, cristãos, temos origem judaica”, ressaltou.

Dom Odilo também lembrou que A presença judaica em São Paulo, no Brasil e no mundo, ao longo da história, é muito significativa. “Para compreendermos a nossa cultura contemporânea, é importante que todos possam se interessar e conhecer essa vertente que está na base da nossa cultura ocidental. A importância das raízes judaicas para o pensamento ocidental ao longo da história nos mais variados campos é enorme. Nós nos consideramos parte da herança de Israel ao longo da história”, afirmou.

O Arcebispo acrescentou que a cátedra também promove um ambiente favorável ao diálogo. “Nesses tempos conturbados, que tendem a radicalismos e polarizações, nunca é demais destacarmos a necessidade do diálogo”, ressaltou o Cardeal Scherer, acrescentando que essa colaboração se refere à missão comum da humanidade na história, especialmente os que professam uma fé.

CULTURAS

Para Ari Plonsky, membro da Federação Israelita de São Paulo, é importante para a comunidade judaica ter uma cátedra em “uma universidade da estatura, porte, reconhecimento e contribuição para o avanço do conhecimento que é a PUC-SP” e, por isso, agradeceu à instituição, na pessoa de Dom Odilo, a acolhida da iniciativa.

“A cultura judaica é fruto essencialmente de diálogos entre suas comunidades e os lugares onde o povo judeu vive. Esses diálogos, portanto, geram culturas de judeus e a conjugação dessas diversas culturas dão origem ao que chamamos de cultura judaica”, sublinhou Plonsky, recordando, como exemplo, o fato de haver mais de um idioma judaico, além do hebraico.

ATIVIDADES

Em uma década, a Cátedra de Cultura Judaica promoveu cursos para a educação continuada, graduação e pós-graduação, história e cultura judaicas, poesia bíblica, hebraico bíblico, história do antissemitismo e do holocausto, leitura rabínica das escrituras, entre outros temas.

Também foi lançada uma coleção de livros publicados pela editora EDUC e realizados encontros com professores visitantes de universidades de Israel, por meio de uma parceria com outras instituições, como a Universidade de São Paulo (USP), e de consulados, dentre os quais, o de Israel e da Holanda.

A Cátedra de Cultura Judaica participou, ainda, de eventos realizados pela Faculdade de Teologia Nossa Senhora da Assunção, em áreas com exegese bíblica.

“Com todas essas atividades, nos primeiros dez anos de existência, atingimos diretamente mais de 1,2 mil alunos, inscritos nos nossos cursos e milhares de outros participantes nos eventos realizados”, ressaltou o coordenador da Cátedra, José Luiz Goldfarb.

HERANÇA COMUM

O diretor da Faculdade de Teologia Nossa Senhora da Assunção, Padre Boris Agustin Nef Ulloa, salientou os muitos frutos do trabalho realizado em parceria com a Cátedra de Cultura Judaica. “Reconheço o quando esta cátedra enriquece a nossa faculdade, nossos estudantes e as pessoas que têm usufruído de suas atividades”, afirmou, enfatizando que, para os cristãos, conhecer e amar o judaísmo não é uma opção, mas aprofundar-se nas próprias raízes, reverenciar seus antepassados na fé e, sobretudo, dialogar com o mundo judaico no século XXI.

Padre Rodrigo Pires Vilela, Coordenador da Pastoral Universitária da PUC-SP, enfatizou que a Cátedra de Cultura Judaica nasceu e se manteve pela força e o desejo do diálogo. Ele afirmou, ainda, que esse diálogo é construído como uma casa. “Nós temos os alicerces nas Sagradas Escrituras e uma forte tradição. Mas a casa precisa ser construída pouco a pouco… Se Deus fez o mundo pela Palavra, nós também podemos fazer um mundo diferente, no qual diálogo seja o norte te todas as relações”, completou.  

Após o evento comemorativo, houve uma mesa redonda sobre o tema: “A prova da Existência de Deus em São Tomás de Aquino e Maimônides”, com a participação do Rabino Alexandre Leone e do professor de Filosofia Paulo Raphael Oliveira Andrade, da PUC-SP.

O vídeo da íntegra do evento pelos dez anos da Cátedra está disponível aqui.

Para saber mais sobre as atividades da Cátedra de Cultura Judaica acesse este site.

Notícias relacionadas

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Como denunciar as fake news e outras irregularidades nas Eleições 2020?

Em sites específicos e até pelas redes sociais é possível ajudar a combater a desinformação neste dia de eleições Neste dia de eleição, eleitores que...

Eleitores de 57 cidades voltam às urnas neste domingo em todo o país

Na capital paulista, a disputa será entre Bruno Covas (PSDB) e Guilherme Boulos (PSOL). Votação acontece até às 17h

Projeto Janelas CASACOR: beleza, sustentabilidade e responsabilidade social

Vitrines estão espalhadas por 13 bairros de São Paulo, sendo quatro delas em comunidades, com uma exposição inclusiva, gratuita, segura

Papa exorta novos cardeais a permanecerem sempre no caminho do Senhor

O Papa Francisco presidiu neste sábado, 28, o Consistório Ordinário Público no qual foram criados 13 novos cardeais. A celebração aconteceu na Basílica de São...

Arquidiocese de São Paulo terá igreja jubilar pelos 200 anos de mártir coreano

No próximo domingo, 29, às 10h30, o Cardeal Odilo Pedro Scherer, Arcebispo de São Paulo, presidirá uma missa na matriz da Paróquia Pessoal Coreana...

Newsletter