‘A Conferência Episcopal precisa estar sempre em comunhão com o Papa’

Em seu programa diário na rádio 9 de Julho, o Cardeal Scherer comentou sobre o começo da Assembleia Geral da CNBB

Arquivo

No programa “Encontro com o Pastor”, desta segunda-feira, 12, na rádio 9 de Julho, o Cardeal Odilo Pedro Scherer, Arcebispo Metropolitano de São Paulo, comentou sobre o início da 58ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), que pela primeira vez acontece de forma on-line, em razão da atual pandemia.

Dom Odilo lembrou que durante a Assembleia Geral, os bispos dialogam, partilham situações, buscam soluções e também tomam decisões. “A Assembleia da CNBB é o momento mais importante da Conferência Episcopal, pois dela saem orientações para vida da Igreja no Brasil”, enfatizou, destacando, porém, que cada bispo é responsável pelas ações em sua diocese.

“A Conferência Episcopal precisa estar sempre em comunhão com o Papa. E essa comunhão precisa ser na fé, na caridade, no respeito, na missão e na obediência ao Pontífice. Por isso, a importância da comunhão do Bispo com seu clero e a comunidade local, os bispos juntos pela Igreja em um determinado país e os bispos do mundo inteiro unidos pela comunhão com o Papa”, concluiu.

OUÇA A ÍNTEGRA DO PROGRAMA “ENCONTRO COM O PASTOR”

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter