Com projeto ‘Pequenos Chef’s’, Pastoral do Menor retoma encontros presenciais

Atividade acontecerá no próximo dia 14, na Catedral da Sé

Com projeto ‘Pequenos Chef’s’, Pastoral do Menor retoma encontros presenciais, Jornal O São Paulo
Pastoral do Menor/Arquivo

A Pastoral do Menor da Arquidiocese de São Paulo retoma suas atividades presenciais com o projeto “Pequenos Chef’s” que ocorrerá na quinta-feira, 14 de outubro. Na ocasião, haverá um passeio Cultural, Evangelizador e Gastronômico para crianças assistidas por instituições da Pastoral do Menor.

Os Pequenos Chef’s farão uma visita guiada por profissionais especializados na Catedral Metropolitana de São Paulo, considerada o quarto maior templo neogótico do mundo, contando com o roteiro desde a Cripta até o grandiosíssimo Órgão de Tubos passando, ainda, pelos mosaicos, esculturas e mobiliário sendo, por fim, conduzidos à equipe dos “Pequenos Chef’s” em uma aventura gastronômica.

A experiência gastronômica será conduzida pelo chefe Boneco Guinho. As crianças poderão interagir com o Boneco e aprender uma deliciosa receita, o que mostra que é possível criar, inovar, dar vida e, tudo isso, em um alimento saudável e saborosíssimo. Na prática, terão a alegria de aprender alguns pratos e levar consigo um certificado de aprendizagem com a turma dos “Pequenos Chef’s”.

Sueli Camargo, coordenadora arquidiocesana da Pastoral do Menor, menciona que o projeto contribui com o desenvolvimento cultural das crianças e que para a maioria é a primeira visita à Igreja Mãe da Arquidiocese. “O desafio para nós, os organizadores, é desenvolver esta atividade de grande aprendizado, com ludicidade, ou seja, aprender brincando. Os Pequenos Chefs, promovem Cultura, Gastronomia e Evangelização, sendo estes, momentos inesquecíveis para as crianças e para nós, agentes desta proposta transformadora”, comenta Sueli.

 A Pastoral do Menor interrompeu suas atividades presenciais por causa da pandemia do SARS-COV 2 (COVID-19), uma vez que as ações envolvendo crianças e adolescentes não puderam prosseguir, a fim de zelar pela segurança e pela vida de cada envolvido, sendo eles, cuidadores, familiares, amigos e demais pessoas a seu redor. Agora, com a vacinação avançada no País, já é possível retomar as atividades.

Este é o primeiro evento, de âmbito arquidiocesano que será realizado de forma presencial com crianças e todas as medidas de segurança serão tomadas, conforme os parâmetros estabelecidos pela Organização Mundial da Saúde para prevenir o contágio pelo coronavírus

(Com informações da Pastoral do Menor)

Deixe um comentário