Dom Odilo: os mártires são exemplo de como os fiéis podem ser firmes na fé

O Arcebispo de São Paulo também falou sobre a importância da luz do Espirito Santo na vida da Igreja

Dom Odilo: os mártires são exemplo de como os fiéis podem ser firmes na fé, Jornal O São Paulo
Luciney Martins /O SÃO PAULO

O Cardeal Odilo Pedro Scherer falou sobre a festa de Pentecostes e o nascimento da Igreja no programa “Encontro com o Pastor”, da quinta-feira, 2, na rádio 9 de Julho

A Igreja recorda dois santos mártires dos primeiros tempos, são Marcelino e São Pedro, ambos citados na Oração Eucarística I, conhecida também como Canon Romano. Marcelino era um sacerdote e Pedro era um exorcista. Foram martirizados na época do imperador Diocleciano, por volta do ano 303. O sepultamento no dia 2 de junho, é comemorado pelo martirológio jeromiano.

“A Igreja, desde os primórdios, inseria os santos mártires também nas orações, para louvar a Deus pelo testemunho do martírio, pelo exemplo que eles davam sendo fortes na fé e resistindo justamente ao sofrimento por amor a Jesus e por amor a fé”, comentou.

Dom Odilo afirmou também que os mártires são exemplo de como os fiéis podem e devem ser firmes e na fé nos momentos de tribulação e de sofrimento na vida.

PENTECOSTES

Dom Odilo recordou que no próximo domingo, 5 de junho, será celebrada a festa de Pentecostes, “momento em que a igreja nasceu propriamente”.

“Podemos dizer que a Igreja saiu a campo, que teve a coragem de sair de dentro do cenáculo. Como o Papa Francisco gosta de dizer, tornou-se igreja em saída”, completou.

A partir deste momento, a Igreja foi para o meio do povo, anunciou o Evangelho, foi perseguida, sofreu, mas testemunhou o amor de Deus, a fé em Cristo e assim o Evangelho foi adiante.

O Arcebispo lembrou que a força para levar adiante a Boa Nova vem do Espírito Santo, desde o tempo dos apóstolos.

“Quando é ordenado um novo bispo, nós revivemos a cena bonita dos apóstolos que impunham as mãos para inserir um novo membro ao colégio apostólico, um novo bispo, que terá a missão que eles próprios haviam recebido”, observou.

OUÇA A ÍNTEGRA DO PROGRAMA “ENCONTRO COM O PASTOR”

Deixe um comentário