Dom Odilo: 'Ele é o coração amoroso e misericordioso de Deus para conosco'

O Arcebispo de São Paulo pediu também oração pelos padres, para que possam se manter firmes a sua missão

dom odilo
Luciney Martins /O SÃO PAULO

O Cardeal Odilo Pedro Scherer falou sobre a Solenidade do Sagrado Coração de Jesus e do dia de oração pelos sacerdotes no programa “Encontro com o Pastor”, da sexa-feira, 24, na rádio 9 de Julho

O Arcebispo de São Paulo explicou que no dia 24 de junho deste ano não se comemora São João Batista, como tradicionalmente é feito todos os anos, mas sim a festa do Sagrado Coração de Jesus, isto porque a solenidade maior é sempre celebrada na sexta-feira da semana seguinte a Corpus Christi.

O Sagrado Coração de Jesus “é de alguma maneira a síntese de tudo aquilo que se pode dizer sobre Jesus. Ele é o coração amoroso e misericordioso de Deus para conosco. Deus que nos amou infinitamente até entregar o seu filho por nós”, comentou.

Dom Odilo apontou que não se deve esquecer do grande Amor de Deus para a humanidade, que olha com misericórdia e por maiores que sejam os pecados dá chances de sempre voltar para Ele, pedindo perdão, arrependendo-se e procurando converter-se.

Do Coração de Jesus, perfurado pela lança, saíram sangue e água: sangue que dá vida nova, e água que purifica, que mata sede e representa também o dom do Espírito Santo.

ORAÇÃO PELO CLERO

Segundo a tradição, este é o dia que se reza pela santificação do Clero, que deve se espelhar imagem viva do Coração de Jesus. Sendo assim, o Cardeal pediu que os fiéis rezem por seus párocos, pelos padres que os batizaram, que fizeram a primeira comunhão, que atenderam em confissão, que assistiram o casamento, enfim, por todos os padres que passaram em suas vidas suas vidas.

Dom Odilo afirmou que os sacerdotes “precisam muito de orações, pois são pessoas humanas e precisam de muita força para dar o testemunho do amor de Deus e ser fiéis a vocação que receberam. Assim como para não cair em tentação e viver autêntica e fielmente ao chamado que receberam”.

O Arcebispo também pede a Deus que a Arquidiocese tenha número suficiente de sacerdotes e que sempre se estimule as vocações sacerdotais.

OUÇA A ÍNTEGRA DO PROGRAMA “ENCONTRO COM O PASTOR”

Deixe um comentário