Governo entrega a 100ª unidade do Bom Prato em Parelheiros, no extremo da Zona Sul

Governo entrega a 100ª unidade do Bom Prato em Parelheiros, no extremo da Zona Sul, Jornal O São Paulo
Fotos: Governo do Estado de São Paulo

O governo de São Paulo entregou na sexta-feira, 23, a 100ª unidade do programa Bom Prato em Parelheiros, no extremo da Zona Sul da capital. O investimento da Secretaria de Desenvolvimento Social na implantação da nova unidade de R$ 1 milhão foi utilizado para compra de utensílios e maquinários. À Prefeitura de São Paulo coube a aquisição do imóvel.

“Entregar esse tão sonhado Bom Prato em Parelheiros, na véspera de Natal, tem um significado ainda mais especial. Esta é a 100ª unidade do Bom Prato que o Governo do Estado está entregando, oferecendo refeições de qualidade para quem mais precisa, principalmente em territórios vulneráveis. Estamos finalizando o Governo com sentimento de dever cumprido”, disse Rodrigo Garcia.

O governador anunciou ainda que todas as unidades do estado estão fornecendo nesta sexta-feira (23) ceia de Natal.

Com atendimento de segunda a sexta-feira, a unidade irá servir 1,5 mil refeições por dia, sendo 300 cafés da manhã (R$ 0,50) e 1,2 mil almoços (R$ 1).

Governo entrega a 100ª unidade do Bom Prato em Parelheiros, no extremo da Zona Sul, Jornal O São Paulo

O Bom Prato é o maior programa de segurança alimentar da América Latina, criado pelo Governo do Estado de São Paulo. A instalação do Bom Prato Parelheiros representa importante ação na política pública de combate à fome. O distrito, que concentra o bairro Engenheiro Marsilac, tem o menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) da cidade, e a nova unidade do programa surge como alternativa de alimentação de qualidade a preço acessível.

No almoço de inauguração serão servidos arroz com alho-poró e bacon, feijão carioca, sobrecoxa na mostarda como prato principal, lasanha de presunto e queijo, salpicão de legumes e, como sobremesa, manjar com calda de ameixa.

Todas as refeições das 100 unidades do Programa Bom Prato são montadas por nutricionistas que avaliam a composição balanceada de nutrientes das refeições a partir de proteínas, vegetais e frutas.

Avanços

Com a entrega da unidade Parelheiros, o Bom Prato registra a marca de 100 unidades, sendo 73 fixas e 27 móveis. Este é o 24º restaurante da capital, o 73º entregue pelo Governo, e o 17º nesta gestão. Os restaurantes fixos estão distribuídos da seguinte forma: 24 na capital, 19 na Região Metropolitana de São Paulo, 21 no interior, e 9 no litoral.

Desde o ano de 2019 até o final desta gestão, foram entregues 19 restaurantes Bom Prato, sendo que, deste total, 17 são unidades novas e duas reinaugurações: Cidade Dutra (26/10/2021) e Santana que será após o Natal, no próximo dia 26.

As unidades inauguradas nesta gestão são: São Bernardo do Campo I e II, Cubatão, Itapevi, Presidente Prudente, Embu das Artes, Cotia, Francisco Morato, Praia Grande, Jacareí, Sumaré, Mogi das Cruzes II (Jundiapeba), Santo André II (Vila Luzita), M’Boi Mirim, Diadema e Ribeirão Preto (HC) e Parelheiros.

Sobre o Programa Bom Prato

Considerado o maior programa de segurança alimentar do país, o Bom Prato está prestes a completar 22 anos de funcionamento. Criado em 28 de dezembro de 2000, o programa tem como objetivo oferecer refeições saudáveis e de alta qualidade a custo acessível à população de baixa renda ou em situação de vulnerabilidade. Todas as unidades servem uma média de 130 mil refeições por dia.

Ao longo desse período, foram servidas cerca de 206,5 bilhões de toneladas de alimentos e o Governo do Estado investiu mais de R$ 1,1 bilhão no custeio das refeições, na adequação dos imóveis e na compra dos equipamentos.

Os endereços de todas as unidades do Bom Prato estão disponíveis no site: https://www.desenvolvimentosocial.sp.gov.br/

Fonte: Governo do Estado de São Paulo

Leia mais
Bompar encerra jubileu comemorativo de 75 anos

Deixe um comentário