Morre Flávio Castro, coordenador da Pastoral Fé e Política na Região Belém

A Pastoral Fé e Política da Arquidiocese de São Paulo comunicou o falecimento na noite da quinta-feira, 9, de Flávio Roberto Castro, coordenador desta pastoral na Região Belém, função que exercia com sua esposa, Márcia Castro. Ele estava internado há mais de 60 dias, com complicações de saúde decorrentes do contágio com a COVID-19.

“Com imensa dor, comunicamos o falecimento nesta noite às 19h50, do nosso querido companheiro de caminhada, Flávio Castro, que era o Coordenador, juntamente com a sua companheira Márcia Castro, da Pastoral Fé e Política da Região Episcopal Belém. Nossas orações e solidariedade a toda família, amigos. Descanse em paz, querido amigo Flavio Castro!”, comunica a nota da Pastoral.

Flávio Castro também integrava a diretoria do Centro Social Nossa Senhora do Bom Parto (Bompar).

“Temos a certeza que o Flávio já foi acolhido pelo Deus misericordioso, pois ele foi um homem íntegro, sempre na defesa dos sofredores, na vigilância pela justiça social, garantia do direito. Assumiu profeticamente o caráter dialético da dimensão política da fé libertária, empregando esforços para contribuir no processo formativo dos leigos e leigas, pois acreditava que para o despertar crítico, cuidador, o protagonismo ético e solidário as pessoas tinham que ser alfabetizadas para a cidadania”, manifestou-se o Bompar em nota.

Na Região Episcopal Belém, Flávio Castro também participava do Fórum das Pastorais Sociais, do Movimento de Integração Campo Cidade, do qual era presidente, e articulava as Semanas Sociais e Animação da Campanha da Fraternidade.

(Com informações do Bompar e da Pastoral Fé e Política)

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter