No Aricanduva, Capela Santo Eduardo é reaberta aos fiéis

No Aricanduva, Capela Santo Eduardo é reaberta aos fiéis, Jornal O São Paulo
Foto: Fernando Arthur

No domingo, 13, a Capela Santo Eduardo, no Aricanduva, foi reaberta aos fiéis, após se manter fechada por quase um ano, período em que sofreu invasões e violações. Por este motivo, a celebração de reabertura contou com um ato de desagravo e foi presidida por Dom Cícero Alves de França e concelebrada pelo Padre Luis Gutierrez Pardo, Pároco da Paróquia Menino Deus, responsável pela Capela. 

Na homilia, o Bispo Auxiliar da Arquidiocese na Região Belém ressaltou as leituras dominicais e as relacionou com a reabertura da comunidade. “A Eucaristia que estamos celebrando nesta comunidade Santo Eduardo tem por grande missão restaurar aquilo que é a comunidade cristã, retomar as celebrações”, afirmou. Afinal, “precisamos da Igreja para chegarmos à salvação”, disse, frisando que “ninguém se salva sozinho, mas em comunidade”, pois “a Igreja é sinal” e, muito mais do que o espaço, é a comunidade daqueles que creem em Jesus Cristo. 

“Estamos aqui, exatamente, para dizer que a Igreja precisa se encarnar neste bairro, nesta realidade, mesmo com tantas dificuldades. Portanto, precisamos facilitar que as pessoas tenham acesso à Eucaristia”, concluiu, motivando os fiéis. 

Por Fernando Arthur
Colaborador de comunicação na Região Episcopal Belém

Deixe um comentário