Nova estação de metrô poderá receber o nome de Dom Paulo Arns

Nova estação de metrô poderá receber o nome de Dom Paulo Arns

No dia 9, Dom Carlos Silva, OFMCap, Bispo Auxiliar da Arquidiocese na Região Brasilândia, e os representantes do Fórum Pró-Metrô Freguesia/ Brasilândia – Leandro Silva, Kleber Jr., João Mota e Benedito Camargo – apresentaram ao presidente da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp), Carlão Pignatari, uma proposta de mudança da denominação da futura estação Vila Cardoso para Dom Paulo Arns.

O encontro ocorreu por mediação do ex-deputado estadual João Caramez. Segundo os líderes do Pró-Metrô, a atual denominação não tem qualquer relação com o local, pois o bairro se chama Jardim Maristela e está entre os limites dos distritos da Freguesia do Ó e Brasilândia.

Os membros do Fórum argumentam que homenagear Dom Paulo Evaristo Arns é reconhecer a luta da Igreja para a chegada do metrô à Brasilândia – algo pensado pelo Cônego Noé Rodrigues (já falecido) e liderado por João Mota –, e, sobretudo, agraciar o esforço da Comunidade Guadalupe, construída pelo Cardeal Arns a partir da operação periferia, que foi desapropriada e demolida para a construção do complexo hospitalar e estação do metrô.

Dom Carlos destacou a importância deste reconhecimento no ano em que a Igreja celebra o centenário de nascimento do “Cardeal da Esperança”.

O pedido da mudança da denominação da estação, assinado pelo Cardeal Odilo Pedro Scherer, Arcebispo de São Paulo, Dom Carlos Silva, o professor João Mota e o Fórum Pró-Metrô, foi entregue ao presidente da Alesp, que prontamente acolheu a solicitação e assumiu o compromisso de encaminhá-lo às demais instâncias. Durante a reunião, ele fez contato com Silvani Pereira, presidente do Metrô, repassando o pedido.

As obras da Linha 6 – Laranja foram retomadas há um ano, após quatro de paralisação, e sua conclusão está prevista para 2025. A chamada “Linha das universidades” irá ligar a Brasilândia ao centro de São Paulo, na estação São Joaquim, conectando com a Linha 1 – Azul, além de integrar com as linhas 7 e 8 da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), e 4-Amarela, do Metrô.

(Por Leandro Silva – Colaboração especial para a Região)

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter