Arquidiocese de Maringá oferece gratuitamente curso de extensão acadêmica sobre a Economia de Francisco

As aulas, a serem realizadas aos sábados das 15 às 17h, serão expositivas e dialogadas através da plataforma Moodle, com transmissão das aulas pelo Youtube e acesso exclusivo aos alunos matriculados

Dilvugação

A arquidiocese de Maringá (PR) está com as inscrições abertas ao Curso de Extensão Acadêmica sobre a Economia de Francisco a ser desenvolvido com o Centro Universitário Uningá. O curso será totalmente gratuito e on-line, com carga horária de 64 horas distribuídas em cinco eixos: Economia Popular Solidária, Desigualdade de Renda e Pobreza, Educação e Finanças Pessoais, Atual Modelo Econômico e Economia de Francisco.

Cada um dos módulos será ministrado por professores qualificados e comprometidos com a intuição do projeto da Economia de Francisco proposto pelo Papa. As aulas, a serem realizadas aos sábados das 15 às 17h, serão expositivas e dialogadas através da plataforma Moodle, com transmissão das aulas pelo Youtube e acesso exclusivo aos alunos matriculados. A metodologia também prevê o uso de recursos audiovisuais e debates com professores e convidados.

Aula Magna

O Bispo auxiliar de Belo Horizonte (MG) e presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Comunicação da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Dom Joaquim Giovani Mol participará da aula magna no próximo dia 7 de julho, às 20h, a ser proferida pela economista Caroline Hoffman, da Universidade Estadual do Paraná (Unespar). 

Segundo o Arcebispo de Maringá (PR), Dom Severino Clasen, aquilo que o episcopado brasileiro reunido em sua 58ª Assembleia Geral, em abril deste ano, expressou ao Santo Padre em relação à Economia de Francisco ressoará neste curso de extensão acadêmica oferecido pela diocese.

 “Os apelos mundiais de Vossa Santidade em relação ao Pacto Global pela Educação e Economia de Francisco estão sendo divulgados e acolhidos pelos respectivos segmentos, com adesões importantes e criativas da sociedade e da Igreja  no Brasil”, reforça.

MAIS INFORMAÇÕES E INSCRIÇÕES

(Com informações de CNBB)

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter