Pela primeira vez, Brasil ultrapassa a marca de 4 mil mortes por COVID-19 em um dia

Segundo o consórcio de veículos de imprensa, foram registrados 4.211 óbitos em 24 horas

Cemitério Dom Bosco, em Perus, zona Noroeste de São Paulo (Foto: Ira Romão)

O Brasil bateu nesta terça-feira, 6, um novo recorde de mortes por COVID-19. Tanto o Ministério da Saúde quanto o consórcio de veículos de imprensa registraram mais de 4 mil mortes nas últimas 24 horas.

De acordo com o consórcio de veículos de imprensa, foram contabilizadas 4.211 óbitos no período. Já os dados do Conselho Nacional de Secretários da Saúde (Conass), divulgados pelo Ministério da Saúde, registrou 4.195 mortes.

O grande registro de óbitos do dia pode ter relação com o represamento de dados do final de semana estendido após os feriados da Páscoa. Aos sábados, domingos e feriados, quando há equipes menores trabalhando, é comum que os números sejam menores do que durante a semana e isso resulte em represamento dos registros.

Com isso, o País chega ao total de vidas 337.364 vidas perdidas para o coronavírus, segundo o consórcio, e 336.947, se acordo com o Ministério.

O estado de São Paulo bateu um novo recorde de mortes por Covid-19 nesta terça-feira ao registrar 1.389 óbitos em 24h. Com isso, chega a 78.554 o número de vidas perdidas para a doença no estado.

Média móvel

A média móvel de mortes no país nos últimos sete dias ficou em 2.775. Em comparação à média de 14 dias atrás, a variação foi de mais 22%, indicando tendência de alta nos óbitos pela doença.

Já são 76 dias seguidos com a média móvel de mortes acima da marca de mil; o país completa agora 21 dias com essa média acima dos 2 mil mortos por dia; e é o 11º dia com a média acima da marca de 2,5 mil.

O levantamento do Ministério  também indicou que foram confirmados mais 86.979 casos, totalizando 13.100.580.

Terceiro país a alcançar a marca

Segundo a plataforma Our World in Data, associada à Universidade de Oxford, apenas dois outros países já tiveram mais de 4 mil vítimas da doença em um só dia: os Estados Unidos, em janeiro deste ano, e o Peru, em agosto de 2020, após a revisão de números represados.

Desde o início de março, o Brasil é o país em que mais tem mortes diárias por COVID-19. Os Estados Unidos, que estão em segundo lugar nessa lista, tiveram 515 óbitos nesta segunda-feira, o último dado disponível, menos que a metade dos 1.319 registrados no Brasil no mesmo dia.

(Fontes: Ministério da Saúde, CNN e G1)

ORAÇÃO DO PAPA FRANCISCO PELO FIM DA PANDEMIA
 
Que Deus detenha esta tragédia,
que detenha esta pandemia.
 
Que Deus tenha piedade de nós e que cesse também as outras pandemias tão ruins: 

a da fome, a da guerra, a das crianças sem instrução.
 
E peçamos isso como irmãos, todos juntos.
 
Que Deus nos abençoe a todos e tenha piedade de nós.
 

Papa Francisco – 20 de maio de 2020

Notícias relacionadas

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter