Bispos da Guatemala reforçam a esperança no ‘Cristo que vem iluminar o mundo’

Prelados expressaram solidariedade a migrantes e gratidão a profissionais de saúde e voluntários

Conferencia Episcopal Guatemala

Um “apelo à esperança” para viver a celebração do nascimento do Filho de Deus e deixar-se iluminar pela Luz do mundo oferecida a cada pessoa foi lançado pelos Bispos da Guatemala, que sublinham, com o Papa Francisco : “O Natal sem Jesus não existe”.

Em sua mensagem, intitulada “Caminhemos juntos na luz do Senhor”, os Bispos destacam que “o Natal, pelo segundo ano, é vivido em um mundo ensombrado pela pandemia do coronavírus, junto com outras sombras que o afligem nossa vida pessoal, familiar, comunitária e social”.

O Natal nos leva a “apreciar o esplendor de Cristo”, por isso os Bispos felicitam as famílias porque, a exemplo de Jesus, Maria e José, “permaneceram unidos e procuraram meios de sobrevivência!”. Em particular, eles estão unidos a milhares de migrantes e também aos de outros países, cujos filhos e irmãos passaram pela Guatemala.

“Que a Providência divina e o compromisso cristão vos ajudem a conservar o maior tesouro: o da própria vida”.

Os Bispos expressam palavras de apreço “pelo maravilhoso serviço dos profissionais de saúde e de todos os voluntários; um serviço marcado em todo o mundo pelo heroísmo da pandemia, mas também por inúmeros sacrifícios pessoais, incluindo a própria vida”.

Portanto, exortam a todos a “não baixar a guarda” mesmo quando a situação parece menos grave e, na busca do bem comum, convidam a todos a manter a abertura à vacinação e a observar as medidas de saúde.

“As celebrações destes dias, sobretudo em família, não devem ser contagiantes, o que seria gravíssimo para toda a sociedade”.

Por fim, convidam a viver o itinerário sinodal que já começou na América Latina e no Caribe com a Assembleia Eclesial de novembro, aceitando assim o convite do Papa Francisco a “caminhar juntos”, para que “avançando na comunhão, na participação e na missão, nós chegue com alegria ao final desta etapa no ano de 2023”.

Os Bispos da Guatemala desejam a todos que, com a ajuda de Maria Mãe de Deus e de seu esposo São José, cheguem à humilde manjedoura de Cristo, que está por vir ao mundo, para “deixar-nos transformar por seu esplendor que assegura-nos que Deus Pai não abandona os seus filhos”.

Fonte: Agência Fides

Deixe um comentário