Cardeal Scherer apresenta novo vigário na Paróquia Natividade do Senhor

Dom Odilo saúda Padre Claudinês, novo vigário paroquial na Paróquia Natividade do Senhor (Foto: Larissa Bernardo)

Na noite do sábado, 25, o Cardeal Odilo Pedro Scherer presidiu missa da solenidade do Natal na Paróquia Natividade do Senhor, na Vila Guarani, na Região Episcopal Belém. Na ocasião, o Arcebispo Metropolitano apresentou o novo vigário paroquial, Padre Claudinês Venâncio da Silva. A Eucaristia foi concelebrada pelo Pároco, Cônego José Miguel de Oliveira, atualmente, Vigário Episcopal para a Região Belém.

Ao saudar os fiéis, Dom Odilo recordou a importância de celebrar o Natal do Senhor, e os exortou sobre a importância deste dia para a Paróquia, cujo nome recorda o nascimento de Jesus.

Natal

Na homilia, o Arcebispo recordou que o Natal não é celebrado apenas em uma dia, mas se estende ao longo da semana, na chamada Oitava do natal. Por isso, O Cardeal recomendou que, durante esses dias solenes, os cristãos se saúdem com cumprimentos natalianos.

Dom Odilo também convidou os fiéis a refletirem sobre o que se pensam quando ouvem falar a respeito Natal, e que muitas é associado às palavras  “festa”, “compra”, “ceia”, “Papai Noel”, mas pouco se ouve falar de Jesus: “Se o mundo não liga Natal à Jesus, nós, sim, ligamos e devemos ligar o Natal à Jesus”, afirmou, ressaltando que as palavras que devem ser usadas pelos cristãos são: contemplar, adorar, louvar, cantar, alegrar. Também enfatizou que o convite que nos é feito é o de viver o Natal, assim como fizeram os apóstolos.

O Cardeal também chamou a atenção para a beleza do prólogo do Evangelho de São João, que relata a origem de Jesus, relacionando-a com a Criação, no livro do Gênesis. E também sublinhou a importância da palavra que se fez carne: “Essa Palavra é o próprio Deus, e se fez carne, se faz um de nós, e veio habitar no meio de nós”, destacou o purpurado, acrescentando que essa Palavra dá segurança, conforto e alegria.

(Foto: Larissa Bernardo)

Dom Odilo salientou, ainda, que, neste tempo, os cristãos devem ser testemunhas da fé e que, no Natal, todos devem agradecer diariamente à Deus pelo grande presente que deu à humanidade: Jesus.

Por fim, o Arcebispo enfatizou que, no Natal, o céu e a terra se uniram. “Ele está no meio de nós, Ele nos conduz! Ele nos dá coragem, nos dá sabedoria. E se nos abrirmos e o acolhemos, fazendo como Maria, José e os pastores, “Deus nos enche de alegria, nos enche de graça, nos dá sabedoria e esperança. E é isso que nós precisamos para viver”.

Gratidão e alegria

No fim da celebração, Padre Claudinês agradeceu a Dom Odilo por lhe confiar essa nova missão, a primeira de seu ministério presbiteral, após ser ordenado sacerdote no último dia 4.

“Meu coração se rejubila de alegria por ser apresentado a esta paróquia, a este povo, para ajudar o Cônego Miguel, que me acolheu carinhosamente aqui. A minha eterna gratidão a Deus, à Igreja em São Paulo, a Dom Odilo, ao Cônego, aos meus familiares aqui presentes, e amigos. É com grande alegria que atuarei nesta comunidade, que já me acolhe com grande carinho”, manifestou o Padre Claudinês.

(Texto: Fernando Arthur)

Deixe um comentário