Cratera se abre na marginal Tietê perto de obra da Linha 6 do Metrô

Vazamento de esgoto em galeria é a provável causa do acidente. Não houve feridos. Cidade teve manhã e tarde com trânsito caótico

Cratera se abre na marginal Tietê perto de obra da Linha 6 do Metrô
Reprodução de imagem de tevê

Um desmoronamento nas obras da Linha 6-Laranja do Metrô, na manhã da terça-feira, dia 1o, fez com que a Marginal Tietê ficasse completamente bloqueada no sentido Ayrton Senna. No fim da manhã, a pista expressa e central foram liberadas pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET).

No momento do acidente, cerca de 50 pessoas trabalhavam no local. Dessas, duas que tiveram contato com água contaminada foram socorridos por precaução, mas passam bem. Outras duas também passaram por avaliação médica.

VAZAMENTO DE ESGOTO EM GALERIA É A POSSÍVEL CAUSA

Em conversa com jornalistas pela manhã, o Secretário Estadual dos Transportes, Paulo José Galli, informou que houve o rompimento de uma galeria de esgoto que passa no sentido transversal ao túnel que está sendo perfurado para a passagem da linha do Metrô.

“O solo não aguentou. A tuneladora passava a 3 metros dessa galeria, portanto não houve um impacto da tuneladora com a galeria”, detalhou, afirmando que uma auditoria será feita para verificar o que ocorreu e apurar responsabilidades.

O secretário também corrigiu a informação, dada inicialmente pelo Corpo de Bombeiros, de que a passagem de um “tatuzão”, que faz a perfuração do caminho para a linha do Metrô, seria a causa do acidente. Galli assegurou que o equipamente passava a três mêtros abaixo da galeria e que não houve choque com a adutora.

Houve a destruição da calçada e da faixa da direita da pista local da Marginal Tietê. Não se descarta que possa haver colapso em outros trechos da via.

Pelo twitter, o governador de São Paulo, João Doria, disse que determinou “a apuração imediata das causas e elaboração de plano da concessionária responsável pela obra, junto à prefeitura da capital, para normalização do tráfego da Marginal rapidamente. E que as obras possam ser reiniciadas, com segurança, o mais breve possível.”

TRÂNSITO CAÓTICO

Durante toda a manhã e no início da tarde, o trânsito esteve caótico na marginal Tietê, no sentido Ayrton Senna. A pista local continua totalmente bloqueada.

A CET orienta que os motoristas evitem a Marginal Tietê e as vias da região. Por volta das 13h, o trânsito chegou a liberado nas pistas central e expressa na altura do acidente. No entanto, após a 16h30, o asfalto voltou a desabar, aumentando as dimensões da cratera, e técnicos da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) voltaram a interromper o trânsito na pista central.

NÃO É A PRIMEIRA VEZ

Esse não é o primeiro acidente em obras do Metrô na cidade de São Paulo. Em 2007, um desmoronamento no canteiro de obras da Linha-4 Amarela onde estava sendo construída a estação Pinheiros provocou a abertura de uma cratera de 80 metros de diâmetro próximo da Marginal Pinheiros. No desabamento, sete pessoas morreram soterradas.

NOTA OFICIAL DA ACCIONA

A obra da Linha 6-Laranja é de responsabilidade da concessionária Acciona e da Linha Uni. Em nota conjunta, as empresas informaram que houve um  rompimento de uma coletora de esgoto próximo ao VSE Aquinos (Poço de Ventilação e Saída de Emergência).

“Equipes da Linha Uni, da ACCIONA e demais técnicos estão no local para apurar os fatos. Todas as medidas de contingência já foram tomadas”

Informam, ainda, que caso de dúvidas, a população pode entrar em contato com a Central de Atendimento da Linha Uni, pelo telefone 0800 580 3172, de segunda a sexta das 8h30 às 17h30 ou por meio da página https://linhauni.com.br/contato.

2 comentários em “Cratera se abre na marginal Tietê perto de obra da Linha 6 do Metrô”

    • Este é um texto que está sendo atualizado por diferentes pessoas da equipe do jornal que estão monitorando as informações, com base nas atualizações da imprensa e dos órgãos oficiais. Não se trata de uma simples reprodução noticiosa, por isso não colocamos créditos especificamente

Deixe um comentário