115 jovens são crismados na Paróquia Pessoal dos Fiéis Latino-Americanos

Na noite do sábado, 4, na Paróquia Territorial Nossa Senhora da Paz, Setor Catedral, Dom Carlos Lema Garcia, Bispo Auxiliar da Arquidiocese na Região Sé, conferiu o sacramento da Crisma a 115 crismandos de várias nacionalidades, entre brasileiros, paraguaios, bolivianos e angolanos da Paróquia Pessoal dos Fiéis Latino-Americanos.

foto: Pascom Paroquial

Concelebraram o Padre Antenor João Dalla Vecchia, Pároco da Paróquia Nossa Senhora da Paz; Padre Irmani Paulo Borsatto, Pároco da Paróquia Pessoal dos Fiéis Latino-Americanos; e o Padre Paolo Parise, Pároco da Paróquia Pessoal Italiana São Francisco de Assis e Santa Catarina de Sena, assistidos pelo Diácono seminarista Sales Conceição de Melo Nogueira, todos scalabrinianos.

Após o Padre Irmani pedir que os crismandos se levantassem, anunciando suas nacionalidades, Dom Carlos Lema deu início à homilia, dizendo que “muito se alegra em ver um grande grupo de crismandos de vários países, além dos brasileiros”. Depois, refletiu sobre a Solenidade de Pentecostes, que acontece 50 dias depois da Páscoa. Destacou que, para os judeus, no Antigo Testamento, esta festa tinha um sentido específico que era agradecer a Deus os frutos provenientes do campo, das colheitas. Então, reuniam-se em Jerusalém para celebrar Pentecostes de onde vinham, também, muitos judeus que moravam fora e ao redor da Terra Santa. Ele recordou que, de repente, aconteceu um fenômeno surpreendente: um vento impetuoso começou a soprar e chamas de fogo desceram do céu, repartiram-se e depositaram- se sobre a cabeça de cada um dos presentes. E todos ficaram cheios do Espírito Santo, começaram a falar em línguas e a proclamar as maravilhas de Deus.

Assim como naquele dia, ressaltou o Bispo, “muitos de fora do Brasil estão reunidos aqui hoje para receber o sacramento da Crisma”. Dom Carlos destacou que a Crisma não é apenas uma exigência da Igreja, mas, sim, um sacramento de confirmação da fé no Batismo, é o recebimento do Espírito Santo.

(Texto: Centro de Pastoral da Região Sé)

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter