Igrejas antigas pegam fogo em comunidades indígenas canadenses

Essa destruição ocorre semanas depois que os túmulos não identificados de 215 crianças foram encontrados nas proximidades de Kamloops

UCA News

A Polícia Federal está investigando incêndios “suspeitos” que destruíram duas igrejas católicas construídas por volta de 1910 em comunidades indígenas no oeste do Canadá.

A Igreja do Sagrado Coração e a Igreja de São Gregório arderam em chamas por volta da mesma hora, entre 1h e 3h, horário local, na segunda-feira, 21.

Essa destruição ocorre semanas depois que os túmulos não identificados de 215 crianças foram encontrados nas proximidades de Kamloops, em um dos muitos internatos criados há um século para assimilar os povos indígenas do Canadá.

A descoberta na Escola Residencial Indígena Kamloops chocou os canadenses e renovou os apelos para que o Papa Francisco se desculpasse pelo ocorrido nas escolas administradas pela Igreja em nome do governo federal.

Jason Bayda, sargento da Polícia Montada Real Canadense, disse que a corporação está investigando os dois incêndios. “Ambas as igrejas foram totalmente queimadas e a polícia está tratando os incêndios como suspeitos”, disse ele.

Espera-se que encontrem indícios que possam determinar a causa e os responsáveis pelos incidentes.

Fonte: UCA News

Notícias relacionadas

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe!

Últimas Notícias

Assine nossa Newsletter